Nossa equipe

A equipe do Escravo, nem pensar! tem formação multidisciplinar. A experiência e o conhecimento diversificados de seus integrantes contribuem para construção de um programa de educação dedicado a questões de direitos humanos.

  • Leonardo SakamotoPresidente

    Jornalista e doutor em Ciência Política. Cobriu conflitos armados e o desrespeito aos direitos humanos em Timor Leste, Angola e no Paquistão. Professor de Jornalismo na PUC-SP, é coordenador da ONG Repórter Brasil e seu representante na Comissão Nacional para a Erradicação do Trabalho Escravo (Conatrae).
  • Natália SuzukiCoordenadora

    Jornalista e cientista social pela Universidade de São Paulo, mestre em Ciência Política e pós-graduada em Direitos Humanos e Intervenção Humanitária pela Universidade de Bolonha. Foi repórter da Agência Carta Maior de Notícias; estagiou na United Nations Office on Drugs and Crimes (UNODC) de Viena na área de comunicação e no projeto contra tráfico de pessoas; trabalhou nas áreas de comunicação e educação de organizações da sociedade civil, como o Fundo Brasil de Direitos Humanos, Instituto Paulo Freire e Conectas Direitos Humanos. É doutoranda do departamento de Ciência Política da Universidade de São Paulo.
  • Thiago CasteliAssessor de projeto

    Formado em História pela Universidade de São Paulo (USP), atuou como arte-educador no Memorial da América Latina (2007-2009) e como monitor de intercambistas norteamericanos no Council on International Educational Exchange (2009-2010). Além disso, foi educador de uma rede de cursinhos populares de São Paulo. (2010-2011).
  • Rodrigo TeruelAssistente de projeto

    Formado em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Estagiou na Assessoria de Promoção do Trabalho Decente da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo. Foi bolsista de iniciação científica do PIBIC-CNPq com o tema “Genocídio Juvenil e movimentos latino-americanos de resistência”.
  • Maíra CostaAnalista de projeto

    Formada em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (USP) e mestra em Políticas Públicas em Direitos Humanos pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Atuou na Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares da USP, no Instituto Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo (InPACTO) e no Instituto Paramitas, com formação de professores no estado de Sergipe.