Escravo, nem pensar! lança jogo digital sobre trabalho escravo contemporâneo

No dia da abolição da escravidão, ONG apresenta instrumento inédito para abordagem lúdica e criativa do tema

O programa Escravo, nem pensar!, coordenado pela ONG Repórter Brasil, lança, nesta terça-feira, o primeiro jogo digital que aborda o trabalho escravo contemporâneo no Brasil em meio urbano e rural. Ele é um entretenimento para o público juvenil e, sobretudo, um instrumento didático-pedagógico para instigar a reflexão e a discussão desse tema nas escolas e em outros ambientes de formação. A iniciativa contou com o apoio da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.

“A Lei Áurea, que aboliu a escravidão no Brasil, foi assinada há 126 anos, mas milhares de pessoas ainda são escravas no país. O problema costuma ser visto como algo distante das pessoas, que acontece somente em lugares remotos, mas ele está presente em todos os estados brasileiros, inclusive em grandes centros urbanos”, afirma Natália Suzuki, coordenadora do programa Escravo, nem pensar! Ainda segundo ela, muitos produtos, como equipamentos eletrônicos, roupas e até mesmo construção de prédios ainda envolvem este tipo de trabalho.

A dinâmica do game permite que o jogador seja responsável por conduzir a trajetória de um trabalhador, que deixa sua cidade natal em busca de melhores condições de vida e acaba sendo explorado. Individualmente, o jogador deverá fazer escolhas para que consiga escapar dessa situação. Essa experiência pedagógica estimula a sensibilização em relação aos abusos sofridos por trabalhadores na vida real. “Aplicamos conceitos e técnicas de desenvolvimento para provocar o que chamamos de ‘aprendizado oculto’ (stealth learning): o jogador não percebe que está aprendendo, mas termina a experiência com outro nível de consciência sobre o assunto”, explica Paulo Luis Santos, CEO da Flux, empresa responsável pelo desenvolvimento do trabalho.

A versão em inglês do jogo será disponibilizada no início de junho.

O jogo pode ser acessado gratuitamente pelo site do programa Escravo, nem pensar!. Clique aqui e baixe no seu computador para jogar.

 Passo a passo para a instalação do jogo:

1. Clique no link indicado e selecione a opção para manter o download.

2. Clique na pasta “Escravo, nem pensar!” e, depois, no arquivo ENP.exe (ignore avisos a respeito de vírus).

Mais informações: http://escravonempensar.org.br

Informações para a imprensa:

Agência Ideal – www.agenciaideal.com.br (11) 4873-7900
Tássia Stavela – [email protected] – (11) 4873-7641 / (11) 99449-7585