Serviços de entidades parceiras

Durante a pandemia, entidades que atendem imigrantes em São Paulo (SP) estão se mobilizando para prestar a apoio às comunidades mais vulneráveis. Além disso, elas estão atuando em regime de trabalho diferenciado. Confira abaixo o que faz cada uma dessas entidades, quais são os serviços ofertados e como contatá-las.

Clique aqui e baixe a nota técnica que algumas dessas organizações elaborou sobre a condição da população imigrante de São Paulo no atual contexto da pandemia e as demandas para o seu acesso aos abrigos públicos e ao auxílio emergencial do governo federal.

Cami (Centro de Apoio e Pastoral do Migrante)

Fundado em 2005, o Cami acolhe e mobiliza os imigrantes e refugiados na luta por seus direitos fundamentais. Durante a pandemia, a instituição tem distribuído cestas básicas mediante a realização de um cadastro, que pode ser feito pelo telefone (11) 9688-29547, das 10h às 18h. Todas as cestas distribuídas são acompanhadas de um manual de prevenção ao coronavírus. A organização também está mediando o contato de oficinas de imigrantes que confeccionam máscaras com empresas que demandam o serviço. Além disso, o CAMI oferta remotamente com os seguintes tipos de atendimento:

  • Orientação sobre regularização migratória: (11) 9688-29547, das 10h às 18h
  • Atendimento jurídico: (11) 9806-68115, das 13h às 17h
  • Serviço Social: (11) 9621-29317, das 13h às 17h

Para quem quiser doar alimentos e outros recursos, pode entregá-los na sede da organização, localizada na alameda Nothmann, 485, Campos Elíseos – São Paulo (SP), nas segundas e sextas-feiras, das 14h às 17h. A organização também aceita doação financeira, que pode ser depositada na conta:

Banco do Brasil
Agência: 0383-2
Conta corrente: 46077-X
CNPJ: 19.122.009/0001-01

Para saber mais, entre em contato por esses canais:

E-mail: [email protected]; [email protected]
Telefone: (11) 3333-0847
Site: www.cami.org.br

CDHIC (Centro de Direitos Humanos e Cidadania do Imigrante São Paulo)

O CDHIC atua junto à população imigrante desde 2009. Ações de incidência política na área migratória e o trabalho de base com o público imigrante em São Paulo fazem parte de seus eixos de atuação. No atual contexto, a organização está oferecendo atendimento remoto para orientação sobre regularização migratória, apoio psicossocial e assistência jurídica. Ao entrarem em contato com o CDHIC, os imigrantes também recebem informações sobre o acesso aos serviços públicos de saúde e assistência social e sobre a prevenção ao coronavírus.

O atendimento é realizado pelo whatsapp (11) 9532-78158 e pelo e-mail [email protected], das 9h30 às 16h30. Neste período, quando aparecem demandas dos imigrantes por recursos variados como alimentos, roupas e fraldas, o CDHIC faz articulação com organizações parceiras e empresas para atender essas necessidades. O caminho inverso também ocorre: quando o CDHIC recebe doações de empresas, são realizadas articulações com o objetivo de encaminhar as doações diretamente aos trabalhadores ou instituições que acolhem imigrantes. 

Para saber mais, entre em contato por esses canais:

E-mail: [email protected]
Telefone e Whatsapp: (11) 9532-78158
Site: www.cdhic.org.br/

Crai (Centro de Referência e Atendimento para Imigrantes)

O Crai é um equipamento público municipal da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC), que oferece acolhimento e atendimento especializado aos imigrantes. Durante a quarentena, o equipamento está oferecendo atendimento de serviço social, das 10h às 16h, em formato remoto e presencial. Veja como está sendo organizada cada modalidade:

Para o atendimento remoto, os imigrantes podem entrar em contato pelo e-mail [email protected], pelo telefone (11) 2361-5069 ou por mensagem de Whatsapp nos números (11) 9855-50218 e (11) 9855-50981.

Os atendimentos presenciais CRAI são realizados apenas com agendamento prévio feito pelo e-mail [email protected], pelo telefone (11) 2361-5069 ou por mensagem de Whatsapp nos números (11) 9855-50218 e (11) 9855-50981.

Apesar da necessidade de agendamento, o Crai mantém suas portas abertas para a realização de, no máximo,cinco atendimentos por dia para situações emergenciais,como orientação médica e acolhimento de idosos, gestantes, pessoas com deficiência, imunodepressivo, família vítimas de trabalho escravo e tráfico e adolescente desacompanhado.

Para saber mais, entre em contato por esses canais:

E-mail: [email protected]
Telefone: (11) 2361-5069

Missão Paz

A Missão Paz é uma instituição filantrópica de apoio e acolhimento a imigrantes e refugiados na cidade de São Paulo. Durante o período da pandemia, tem oferecido atendimento remoto para orientação sobre regularização migratória e apoio psicossocial à comunidade de imigrantes, pelo telefone (11) 3340-6950 e pelo e-mail [email protected], de segunda a sexta, das 9h às 11h e das 14h às 17h.

A Missão Paz também mantém a Casa do Migrante, abrigo voltado para a população imigrante. Neste período de quarentena, o espaço está recebendo doações de higiene pessoal, material de limpeza e alimentos não perecíveis para garantir boas condições de saúde aos usuários e funcionários do abrigo. É possível fazer a doação pessoalmente, na rua Glicério, 225, na entrada da secretaria, de segunda a sexta, das 9h às 11h e das 14h e às 17h.

A organização solicita que os doadores liguem no número (11) 3340-6950 antes de chegarem ao local.

Outra forma de doar é pelo PagSeguro ou por transferência bancária:

Banco Bradesco 237
Agência: 515-0
Conta corrente: 34123-1
CNPJ: 62.806.682/0004-24

Para saber mais, entre em contato por esses canais:

E-mail: [email protected]
Telefone: (11) 3340-6950
Site: www.missaonspaz.org/

Sefras (Serviço Franciscano de Solidariedade)

O Sefras trabalha com programas voltados a grupos em situação de extrema vulnerabilidade, tais como pessoas em situação de rua, imigrantes, idosos, crianças e adolescentes, com o objetivo de acolher, cuidar e defender. Durante este período de pandemia, a organização abriu de forma emergencial a Casa Franciscana, núcleo de convivência para a população de rua, em que são oferecidos banho, almoço, lanche e acompanhamento psicológico aos usuários. A Casa tem capacidade para 200 pessoas e está localizada rua Otto de Alencar, 270, no bairro da Liberdade, seu horário de funcionamento é das 08h 17h. Além disso, o Sefras organizou uma tenda, no Largo São Francisco, para distribuir marmitas e quentinhas à população de rua. A doação de refeições prontas pode ser feita na Paróquia e Convento São Francisco, no Largo São Francisco, nº 133, Centro, todos os dias das 9h às 18h. Para mais informações, acesse sefras.org.br/doequentinhas/.       

É possível contribuir com as ações do Sefras por meio do voluntariado, que consiste no apoio para o preparo de almoço e lanche aos usuários de três serviços da organização na cidade de São Paulo:

  • O Serviço Franciscano de Apoio a Reciclagem (Recifran), dedicado à geração de renda por meio de reciclagem de materiais, que atende a população em situação de rua, no bairro da Liberdade. Neste momento, o trabalho de reciclagem foi paralisado e o espaço mantém atividades de convivência e de acompanhamento social, das 08h às 17h. O acesso a esse serviço é mediante cadastro no local, no começo de cada mês.
  • O Chá do Padre, núcleo de convivência para a população em situação de rua, localizado no Centro. No local, com capacidade para 300 pessoas, são oferecidos banho, almoço, lanche e acompanhamento psicológico aos usuários, das 07h às 19h.  
  • O Centro de Acolhida do Imigrante Casa de Assis, na Bela Vista, responsável pelo acolhimento do público imigrante.

Para receber informações sobre o voluntariado, ligue (11) 9660-73441. 

A organização também está recebendo doação:

  • Para produtos de higiene, roupas, alimentos perecíveis e não perecíveis, a entrega pode ser feita na Paróquia Santo Antônio do Pari, localizada na rua Rodrigues dos Santos, nº 831, Brás, de segunda a sexta das 9h às 17h e domingos e feriados das 10h às 15h.
  • Doações financeiras também recebidas por meio de depósito em um dos bancos da Associação Franciscana de Solidariedade, inscrita com o CNPJ 11.861.086/0001-63. Para ter acesso às contas entre em www.sefras.org.br/novo/acao-e-solidariedade-franciscana-covid-19/.

Para saber mais, entre em contato por esses canais:

E-mail: [email protected]
Telefone: (11) 3291-4433
Site: www.sefras.org.br

Cáritas Arquidiocesana de São Paulo

A Cáritas é uma organização não governamental da Igreja Católica e organismo da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil). Atualmente, o Centro de Referência para Refugiados da Caritas, que oferece assistência para a população necessitada de proteção internacional, como os refugiados, solicitantes de refúgio e apátridas, realiza atendimento remoto referente a proteção jurídica e política, assistência social, apoio psicólogo e integração para educação e trabalho, que consiste em encaminhamentos para cursos de português e profissionalizantes e mediação para vagas de trabalho.

Os horários de atendimento são de segunda-feira, terça-feira, quinta-feira e sexta-feira, das 8h30 às 17h30. Para receber atendimento remoto, o imigrante deve ligar para o telefone (11) 9457-46358 e, então, será encaminhado de acordo com a sua demanda. 

A organização também entrega cestas básicas e bolsas de subsistência em casos específicos, com agendamento prévio por telefone e após uma avaliação da assistência social.

Para quem quiser doar alimentos, kits de higiene e fraldas é possível entrega-los na rua José Bonifácio, nº 107, 2º andar, centro. A organização também aceita doação financeira, que pode ser depositada na conta:

Banco Bradesco
Agencia 99
Conta poupança 1000161-7
CNPJ 62.021.308/0001-70

Para saber mais, entre em contato por esses canais:

E-mail: asse[email protected]
Telefone: (11) 4830-0350
Site: www.caritassp.org.br/