Formações e oficinas

Foram realizados três encontros de acompanhamento: em abril e dezembro de 2008 e em agosto de 2009. Corpo docente e funcionários das escolas organizaram projetos com diversas atividades, como peças teatrais, músicas, debates, literatura de cordel e apresentação de vídeos. Alunos e alunas produziram cartazes, desenhos e textos, além de pesquisas de campo e elaboração de gráficos com dados sobre o tema. Foram escolhidas algumas datas festivas para realizar atividades que dessem visibilidade ao tema. No desfile de 7 de Setembro, as escolas apresentaram o tema por meio de pelotões representando cada etapa do ciclo do trabalho escravo. Agentes comunitários de saúde abordaram o tema durante as visitas às comunidades e nas reuniões regionais.

O Sindicato dos Trabalhadores Rurais trabalhou a temática “Pai e Filho”, abordando principalmente a relação entre pais e filhos no trabalho e na educação, chegando à discussão sobre trabalho infantil e trabalho escravo. A Pastoral da Juventude também realizou discussões a respeito da temática dos agrocombustíveis com materiais de apoio da ONG Repórter Brasil.

GALERIA

Comentários fechados.