Formações e oficinas

Foram realizados três encontros de acompanhamento: em agosto de 2007, julho e dezembro de 2008. O tema do trabalho escravo contemporâneo foi bastante trabalhado nas escolas participantes, com a abordagem em sala de aula, elaboração de cartazes, panfletos, paródias e apresentações de teatro para mães, pais e a comunidade, com palestra realizada por um membro da Comissão Pastoral da Terra. Algumas escolas incluíram o tema em seu planejamento pedagógico anual. As lideranças, como os membros do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, passaram a difundir as informações sobre o ciclo do trabalho escravo em suas atividades comunitárias.

GALERIA 

Comentários fechados.