Assim como muitos outros estados do sul do Pará, Eldorado dos Carajás teve sua origem ligada à exploração de minérios, desde a implantação do Projeto Grande Carajás em 1970. Além do empreendimento mineral, o caráter agrícola da ocupação também foi responsável por atrair um grande contingente de mão de obra para a região. Com diversos casos de trabalho escravo nas carvoarias e no campo, o município ocupa a 26ª posição no ranking nacional dos municípios com maior número de casos de trabalho escravo.

O Massacre de Eldorado dos Carajás, que aconteceu em Abril de 1996, é um marco no histórico de violência no campo e desrespeito aos direitos humanos. Ao protestarem contra a demora da desapropriação das terras da Fazenda Macaxeira, 19 sem-terras foram mortos pela Polícia Militar em ação autorizada pelo Secretário de Segurança Pública do Pará.

 

 

 

Atividades realizadas

Formações e oficinas

Projetos comunitários

Notícias

Comentários fechados.